Ocupação dos aeroportos foi sucesso absoluto

Sucesso absoluto na paralisação realizada pelos Sindicatos dos Aeroviários e Aeronautas filiados à FENTAC/CUT (Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil/Central Única dos...

Escrito por: Imprensa Aeroviários • Publicado em: 22/01/2015 - 18:44 Escrito por: Imprensa Aeroviários Publicado em: 22/01/2015 - 18:44

Sucesso absoluto na paralisação realizada pelos Sindicatos dos Aeroviários e Aeronautas filiados à FENTAC/CUT (Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil/Central Única dos Trabalhadores), no dia 22 de janeiro. Durante duas horas os principais aeroportos do Brasil tiveram suas atividades canceladas.  A adesão ao movimento foi grande em Congonhas, Guarulhos, Fortaleza, Brasília, Porto Alegre, Salvador e nos dois aeroportos do Rio de Janeiro, Antônio Carlos Jobim e Santos Dumont.

A paralisação foi realizada entre 5h30 e 7h30 da manhã, porém, as manifestações dos trabalhadores nos aeroportos se estenderam até aproximadamente às 9h. Durante esse período, pouquíssimas aeronaves levantaram voo. Em alguns aeroportos, a paralisação foi total e as decolagens só ocorreram após o fim do movimento. Segundo a Infraero, só no Santos Dumont, 12 voos atrasaram e 10 foram cancelados.   

Audiência no TST

No dia 23 de janeiro, Sindicatos da aviação civil filiados à FENTAC/CUT vão participar de uma audiência no TST (Tribunal Superior do Trabalho) em Brasília, junto com o SNEA (Sindicato Nacional das Empresas Aéreas). Após esse encontro, as categorias definem quais serão os próximos passos da Campanha Salarial 2014/2015. Até a audiência, a direção do SNA (Sindicato Nacional dos Aeroviários) mantém trabalhadores em assembleias itinerantes constantes.

Título: Ocupação dos aeroportos foi sucesso absoluto, Conteúdo: Sucesso absoluto na paralisação realizada pelos Sindicatos dos Aeroviários e Aeronautas filiados à FENTAC/CUT (Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil/Central Única dos Trabalhadores), no dia 22 de janeiro. Durante duas horas os principais aeroportos do Brasil tiveram suas atividades canceladas.  A adesão ao movimento foi grande em Congonhas, Guarulhos, Fortaleza, Brasília, Porto Alegre, Salvador e nos dois aeroportos do Rio de Janeiro, Antônio Carlos Jobim e Santos Dumont. A paralisação foi realizada entre 5h30 e 7h30 da manhã, porém, as manifestações dos trabalhadores nos aeroportos se estenderam até aproximadamente às 9h. Durante esse período, pouquíssimas aeronaves levantaram voo. Em alguns aeroportos, a paralisação foi total e as decolagens só ocorreram após o fim do movimento. Segundo a Infraero, só no Santos Dumont, 12 voos atrasaram e 10 foram cancelados.    Audiência no TST No dia 23 de janeiro, Sindicatos da aviação civil filiados à FENTAC/CUT vão participar de uma audiência no TST (Tribunal Superior do Trabalho) em Brasília, junto com o SNEA (Sindicato Nacional das Empresas Aéreas). Após esse encontro, as categorias definem quais serão os próximos passos da Campanha Salarial 2014/2015. Até a audiência, a direção do SNA (Sindicato Nacional dos Aeroviários) mantém trabalhadores em assembleias itinerantes constantes.



Informativo CUT RJ

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.